Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Informação RTP1

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 4 de 5]

76 Re: Informação RTP1 em Qua Mar 27, 2013 10:50 pm

HHHugo


Nível 2
Não vi a entrevista (a ver se vejo amanhã), mas já vi várias pessoas a dizerem que ele continua a negar o que fez. É verdade?

Ver perfil do usuário

77 Re: Informação RTP1 em Qua Mar 27, 2013 10:51 pm

urban.


Nível 2
HHHugo escreveu:
urban. escreveu:E ainda abafou o Correio da Manhã.

Os argumentos foram os esperados, só fiquei surpreendido com as palavras duríssimas contra o PR. Em relação ao espaço de opinião que vai começar a ter, acho que faz sentido e vai agitar águas.
Está a preparar o caminho.

A partir do momento em que ele diz frontalmente que fecha as portas a uma candidatura a Belém, não me parece o caso.

Ver perfil do usuário

78 Re: Informação RTP1 em Qua Mar 27, 2013 10:52 pm

HHHugo


Nível 2
urban. escreveu:
HHHugo escreveu:
urban. escreveu:E ainda abafou o Correio da Manhã.

Os argumentos foram os esperados, só fiquei surpreendido com as palavras duríssimas contra o PR. Em relação ao espaço de opinião que vai começar a ter, acho que faz sentido e vai agitar águas.
Está a preparar o caminho.

A partir do momento em que ele diz frontalmente que fecha as portas a uma candidatura a Belém, não me parece o caso.
Ah ok. Não vi a entrevista. Falei só pelas notícias que têm saído. Sorry

Ver perfil do usuário

79 Re: Informação RTP1 em Qua Mar 27, 2013 10:53 pm

urban.


Nível 2
Não precisas de pedir desculpa, Hugo. xD

Ver perfil do usuário

80 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 1:08 am

São


Nível 2
Eu só vi uma parte da entrevista (até ás 22 e tal, deve ter sido a maior parte, já não deve ter demorado muito tempo), mas com interrupções porque andam problemas aqui em casa. Do que vi não me surpreendeu. Está igual a ele próprio. Já se esperava que ele se defendesse e atacasse. É obvio que a culpa não foi só dele. Como não foi só de ninguém, embora haja os que tiveram mais culpas do que outros. Não foi nada que me surpreendesse. Foi o que eu esperava, pronto.

A nível de estrutura, de formato, de organização, enfim, acho que o Paulo Ferreira deixou o Vítor Gonçalves muito sozinho em algumas partes... parecia que só estava ali como juiz, como observador, não sei... Claro que não ia interromper o outro, mas não sei, falhou ali qualquer coisa. Acho que, se era para ser assim, o Vítor Gonçalves podia ter feito a entrevista sozinho que tinha ido dar ao mesmo... Mas pronto, são opiniões...

Ver perfil do usuário

81 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 2:57 pm

Nês


Nível 2
Ele até meteu os entrevistadores a tomarem notas. Laughing Que coisa mais mal conduzida. Para a próxima vão ser quantos entrevistadores? Seis? Há que meter mão no bicho.

Vai ser bonito todas as semanas, vai. xD


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

82 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 3:54 pm

São


Nível 2
JM1991 escreveu:Na RTP 1 não existe grande coisa. Só mesmo o Rodrigues dos Santos e o Adelino Faria, mas penso que esses como pivots, distanciaram-se mais da política, e esta entrevista requeria uma análise profunda dos últimos anos e convenhamos que assuntos é coisa que não falta .

Sim... Rolling Eyes ... E os homens agora levavam para lá um saco cama e acampavam na RTP para salvar a honra do convento! Faziam como um colega que tive que fazia dois turnos seguidos e picava o cartão à saída, para voltar a picar a entrada logo no segundo a seguir (não sei para que era este proform, logo picava quando realmente saísse, mas adiante...)

Quanto A isso... E não estou Off Topic porque este tópico é Informação RTP, acho que realmente é verdade que na RTP não há grande coisa. Aqui entra um fator importante: Criticam-se muito os salários da RTP quando as privadas pagam muito, mas mesmo muito melhor, mas aí já ninguém diz nada porque, sendo privadas, pagam o que querem e ninguém tem nada a ver com isso. Ora, o que é que isto implica? Implica que quem é bom acabe por deixar o serviço público e vá para o privado. Recebe melhor e não leva com críticas. O que é isto implica, por sua vez? Implica que só lá fique quem é medíocre e pouco mais.

Como estudantes tiveram certamente professores estagiários , cujas aulas, de vez em quando, eram assistidas pelos seus orientadores de estágio, que estavam lá como observadores, só para dar algum bitaite quando o seu pupilo lhe falhava alguma coisa. Eu tive como estudante e depois como professora estagiária. Pois era nesse papel (de tutor/orientador de estágio) que o Paulo Ferreira parecia estar lá. Parecia que estava ali a avaliar o Vitor Gonçalves e pouco mais. O Vítor Gonçalves acho que fez o que pode, mas não podia muito mais, porque , cá está: é medíocre, não teria pedalada para uma entrevista que, à partida já se sabia que ia ser polémica!

Por muito bem que até tivesse corrido a nível de condução e fosse quem fosse que lá estivesse a entrevistar, haveria sempre críticas, porque o público está revoltado e picaria sempre pela mais pequena coisa.

Concordo que só um desses dois teria pedalada para ele (e mesmo assim, haveria sempre críticas). Até apostaria mais no João Adelino Faria, que me tem surpreendido nos últimos anos como jornalista e que é mais calmo. O José Rodrigues dos Santos é muito nervoso, muito emotivo e, por mais que evite, acaba sempre por ser pouco imparcial e bater muito na mesma tecla. Peca nesse aspecto como entrevistador. E se eu estou a dizer isto, só pode ser por uma coisa: é porque é verdade. "Sabemos que o José Rodrigues dos Santos tem defeitos, quando esses defeitos são apontados pela São!" Laughing Laughing Laughing . Aliás, ele sabe que lhe é difícil ser imparcial, até porque faz o sacrifício de não exercer o direito de voto (sim, ele não vota!), com medo de que isso o influencie nas entrevistas a políticos. Mas também não o queria ver metido nesta polémica... Ele não precisa disso para nada! Não o quero ver ter um ataque cardíaco... Muito por aquela casa, que nem sempre lhe tem dado valor, já ele tem feito. Neste caso, não por mediocridade, porque ele pode ser tudo menos medíocre, mas por dedicação à casa.

Já o João Adelino Faria é mais calmo. Não é uma pilha de nervos e poderia ter dado a volta muito melhor... Mas também esse já faz bem o seu papel e também não precisa muito de se meter em alhadas!

Daí... Quem acham que restava?

Ver perfil do usuário

83 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 5:21 pm

urban. escreveu:
HHHugo escreveu:
urban. escreveu:E ainda abafou o Correio da Manhã.

Os argumentos foram os esperados, só fiquei surpreendido com as palavras duríssimas contra o PR. Em relação ao espaço de opinião que vai começar a ter, acho que faz sentido e vai agitar águas.
Está a preparar o caminho.

A partir do momento em que ele diz frontalmente que fecha as portas a uma candidatura a Belém, não me parece o caso.

Ele não disse isso, disse que isto tudo não era um plano dele para ter qualquer cargo politico e que não é a vontade dele o ter. Mas tão bom politico que é chega a altura e diz que não teve saída e que a pressão do PS era tanta que teve de se candidatar - isto hipoteticamente mas acho que é o que vai acontecer.

Vi a entrevista com a minha família e foi como estivéssemos a ver um circo, era só rir com aquilo que ele dizia: desde fugir à perguntas, aos ataques ao jornalista, às 'narrativas', ao sacudir o capote... É preciso ter muita lata para vir à televisão e dizer o que disse... Foi ele que comprometeu o país com a ajuda internacional fazendo o país cair numa crise politica com o ultimato dele e a 'falta de lealdade' que teve ao não ter discutido o PEC4 com as restantes forças politicas. A minha opinião depois da entrevista continuou igual quanto a ele.

Quanto aos jornalistas estavam nervosos e mal preparados, mas houve perguntas que entalaram um pouco o Sócrates. A Clara de Sousa era perfeita para o entrevistar.

Ver perfil do usuário

84 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 5:34 pm

Nês


Nível 2
O PEC4 era essencial. Não havia nada a discutir. LOL Ao chumbarem-no, automaticamente que o país teria de pedir ajuda externa, já que não houve alternativas da oposição nessa altura, Rodrigo.

E tu ao pedires ajuda estás a dizer automaticamente "venham mandar no nosso país". O PEC, por muito que fosse prejudicial, ainda se tinha alguma mão no que é nosso. Tal como Espanha ainda tem e não quer deixar de ter, E BEM!


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

85 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 5:42 pm

Joni Milk


Nível 2
YA! O PEC4 foi aprovado em Bruxelas, mas a oposição como só queria que o Sócrates bazasse rejeitou-o, "obrigou-o" a pedir ajuda externa.


_________________

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Ver perfil do usuário http://aneverlastingpieceofart.tumblr.com

86 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 5:49 pm

Nês


Nível 2
Eu não digo que ele não afundou ainda mais o país, nem nego que no caso das PPP's ele ontem não teve razão, mas a verdade é que o país chegou às mãos dele num estado lastimável. O que aconteceu foi uma má gestão de um governo, não nego, mas ao mesmo tempo foi o governo que mais se interessou pelo desenvolvimento do país. E é óbvio que qualquer bom desenvolvimento é caro e, a curto prazo, não parece rentável. Mas é. Seria uma base interessante para futuras crises, como esta que a Europa vive. Que veio da América.


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

87 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 5:54 pm

Inês S.,

Mas esses pacotes de medidas não podem ser feitos em silencio e só pelo Primeiro ministro e o seus ministros, tem de haver debate politico e dialogo entre partidos, o que não houve. Tu que és sempre tão assertiva não irias fazer uma coisa que te disseram para fazer só porque essa pessoa achou que era o melhor - em economia e politica o que é certo para um já não o é para outro. E o Sócrates a por a questão 'ou aceitam o PEC4 ou demito-me' lançou o país para a crise politica que agravou ainda mais a crise económica aumentando em muito os juros da divida.

Para além disso, desde há muito que o Teixeira dos Santos dizia na altura que Portugal não tinha outra saída senão pedir o resgate financeiro (tal como ontem o jornalista disse, para o ministro o limite seriam os 7% de juros, o que se viu que aumentou muito mais). Tivéssemos pedido o resgate nessa altura e estaríamos muito melhor.

E nada nos garante que com esse PEC4 estariamos melhor, por alguma razão foi chumbado! Eu acredito que estaríamos a afundar cada vez mais com essa proposta.

Nós continuamos a ter mão no que é nosso, não tão livre é certo, há é um controlo e limites impostos.

Ver perfil do usuário

88 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 6:00 pm

CláudioV


Nível 2
Uma das melhores coisas que foi feita nos mandatos dele foi a aposta nas energias renováveis (que poderia parecer caro logo num investimento inicial, mas viria diminuir a dependência de petróleo, por exemplo), mas chegou o Coelhinho e varreu logo com isso. Nem tudo no mandato dele foi mau, como muita gente pensa ou diz...

Uma das conclusões que posso tirar da entrevista de ontem é que passem os anos que passarem nunca haverá ninguém com a capacidade retórica que ele tem. Mesmo que não tenha razão no que diz, ele consegue calar qualquer um e faz parecer tudo o que diz na maior das verdades.
E seria interessante um debate entre ele e o grande conversador que é o nosso Presidente da República Cool

Ver perfil do usuário

89 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 6:31 pm

Nês


Nível 2
RodrigoMarquês. escreveu:Inês S.,

Mas esses pacotes de medidas não podem ser feitos em silencio e só pelo Primeiro ministro e o seus ministros, tem de haver debate politico e dialogo entre partidos, o que não houve. Tu que és sempre tão assertiva não irias fazer uma coisa que te disseram para fazer só porque essa pessoa achou que era o melhor - em economia e politica o que é certo para um já não o é para outro. E o Sócrates a por a questão 'ou aceitam o PEC4 ou demito-me' lançou o país para a crise politica que agravou ainda mais a crise económica aumentando em muito os juros da divida.

Para além disso, desde há muito que o Teixeira dos Santos dizia na altura que Portugal não tinha outra saída senão pedir o resgate financeiro (tal como ontem o jornalista disse, para o ministro o limite seriam os 7% de juros, o que se viu que aumentou muito mais). Tivéssemos pedido o resgate nessa altura e estaríamos muito melhor.

E nada nos garante que com esse PEC4 estariamos melhor, por alguma razão foi chumbado! Eu acredito que estaríamos a afundar cada vez mais com essa proposta.

Nós continuamos a ter mão no que é nosso, não tão livre é certo, há é um controlo e limites impostos.

Epá, primeiro não me trates assim. Credo. silent Depois não houve silêncio. O PEC teria sempre de ser apresentado e aprovado em assembleia. Não aconteceu isso? Além disso, estamos a falar de um programa continuo, que já tinha sido modificado antes e que é normal que assim seja. As coisas vão-se aplicando, há resultados que podiam ser melhorados e há modificações mais, ou menos, significativas. Tendo em conta o rumo que o país estava a levar teve de ser refeito e ia ser aprovado. Ou seja, distribui-se um documentinho com a mudanças a todos os partidos antes da Assembleia, discute-se e vota-se. Ninguém se preocupou em apresentar propostas, ninguém se preocupou em entender porque havia um 4 depois do 3. Toda a gente se preocupou foi com a merda do Cavaco que é uma pessoa que se preocupa SEMPRE com os portugueses. Sempre. Acima de tudo ele é o grande herói da história.

Se tu dizes que o Sócrates, ao fazer o único ultimato que podia fazer naquela posição, foi atirar a toalha ao chão, pois então, na situação grave em que estamos agora (muito mais do que na altura de 2011) o que é que achas que é este ultimato que o Passos Coelho fez agora? Qual é a diferença? A diferença está na gravidade que este senhor, que lá está agora, está a deixar o país por casmurrice, por pura estupidez de um fantoche que sempre quis estar nas mãos dos Alemães. Quis. Não houve esforço nenhum para adaptar as medidas à realidade do nosso país. O que foi feito de bom acaba-se, o que foi feito de mau continua-se, mas com umas areias atiradas aos olhos de quem, no ponto de vista de qualquer partido de direita, tem muito pouco que dar opinião ou entender destes assuntos. O nosso governo rege-se por uma ditadura, de um país mais estável economicamente, e depreende que mais nada se pode fazer a não ser seguir os passos que lhes mandam em papel.

O Sócrates, se não fizesse o que estava a ser obrigado, em 2011, com o chumbo do PEC4, hoje em dia não estava no governo na mesma. Porque provavelmente as manifs seriam muitas, porque um partido de esquerda, liberal, aberto e mais social não se rege por governações de direita: aqueles que mandam nisto tudo realmente e que estão a financiar-nos. É contra-producente, mas seria MUITO mais interessante, sem dúvida. Não digo que Seguro faria melhor. Não faria. Não digo que Sócrates faria melhor, porque também tenho as minhas dúvidas, mas digo que o país seria nosso. Nosso, mesmo que parcialmente. Seria nosso. Neste momento nós somos deles. Mas nós moremos primeiro que eles, sem emprego, com fome, com precariedade, com miséria, sem dignificação. Porque houve uma maioria que, com um ódio imenso de estimação e não tenho uma minima noção de politica, escolheu um governo de direita para ficar à frente de uma ajuda, EXTERNA, financeira.

O Teixeira dos Santos disse isso, mas disse muitas outras coisas. É óbvio que no fim, cada um quer lavar as suas mãos. Ele, tal como o Gaspar, são sempre as manchas mais próximas e reais do que o governo possa estar a fazer de mal em termos económicos. Mas, tal como afirmas, quem te garante que se pedíssemos nessa altura ajuda estaríamos bem agora?

O PEC4 foi chumbado para derrotar de uma vez por todas um governo de esquerda que não saia do poder de forma nenhuma. Não sei qual era a dúvida. Havia um CDS à coca, um PSD que não se conseguia definir como oposição clara e ganhar vantagem, e um BE que é tão liberal que só gosta de lutar sozinho e por si. Há um presidente da republica de direita, que claramente mostrou vezes sem conta o seu ódio de estimação pelo governo, uma crise financeira alastrante vinda, originalmente, da América, e que se prolonga pela Europa, um medo enorme com o fim do Euro e um Portugal que tenta a todo o custo não entregar o dinheiro ao bandido, tentando dar a volta através do desenvolvimento, na criação de mais postos de trabalho, de melhores profissionais, mais especializados, mais creditados, novas fontes de energias dependentes e com sucessivos PEC's, com modificações pontuais e sucessivas, para tentar que a situação fosse gerida da melhor maneira. O PEC4 correspondia, de certa maneira, ao inicio das regras definidas pela Troika. Diferenças? Tivemos ajuda financeira e isso paga-se bem caros em taxas, temos dadas limite de cumprimento de prazos que se sabe que o país não tem condições para isso, e o PEC4 foi desenvolvido pelo governo da altura, mesmo com algumas modificações da . Não por um bando de seres que nunca viveram em Portugal e não têm qualquer noção do que é viver neste país e do que custa a vida cá.

Muitos jovens podem dar graças a deus a ele, porque se não fosse ele, muitos não estavam agora licenciados e preparados para trabalhar lá fora. Onde o nosso PM nos manda.


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

90 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 7:53 pm

O País seria nosso, nestas condições, se o governo fosse socialista? Só porque na Alemanha são de direita e cá seriamos de esquerda isso é que daria a posse do nosso país? Externamente a dúvida e incerteza iriam aumentar quanto aos nosso compromissos pois seria provavel que as duas governações chocassem por serem de cores politicas diferentes mas o resultado ia acabar por ser o mesmo... E o que o Socrates fez foi um ultimato, apliquei bem a palavra, agora, o Passos que ultimato está a fazer? São cortes e mais cortes que ele faz com a mão da ajuda externa pois acham que é o melhor (fruto da politica de esquerda) mas desengana-te quando pensas que a esquerda está com o povo e tem preocupações sociais que a direita não tem. O Socrates fez muitas obras públicas que no curto prazo criou emprego, mas no longo prazo só piorou a dívida que tinha e ainda para mais em obras completamente desnecessárias. Percebo e concordo no que toca às energias renováveis que foi um bom plano à primeira vista, agora não dá para voltara investir porque não há dinheiro, por alguma razão o Estado está a reduzir a sua despesa.

Partindo de uma situação melhor que agora, nesse caso 7% de juros, a situação seria bem melhor, atendendo a que quando fomos mesmo resgatados financeiramente o juros já passavam os 10% tal foi o arrastamento.

Não me parece que a classe politica conheça assim tão melhor o que custa viver em Portugal em relação aos governantes estrangeiros. Acredito que estejas a falar nas dificuldades que muitas famílias estão a passar agora, classe média, coisa que não atinge a vida dos políticos pois pelo que se tem visto muda o partido no governo e a lengalenga é a mesma. E vamos ser realistas, porque é que tenho que agradecer ao Socrates por ser licenciado hoje? Não se alterou nada nesse ambito, assim como não se alteraria se tivesse lá, já nessa altura o Passos Coelho.

Acho que não te tratei mal Inês. Razz Apenas fiquei admirado com a tua posição, é dificil de acreditar que uma pessoa aceite uma proposta vinda de alguém que a fez sem anunciar que a estava a fazer, apresentando-a primeiro ao exterior e só depois aos portugueses (os partidos tiveram um dia para a analisar, isto é alguma coisa quando se está a falar de medidas que ditariam o futuro de Portugal?!). Tudo bem que era o PEC4, mas se foi constantemente chumbado era porque os fundamentos principais do mesmo eram pouco consistentes. Não quero acreditar que se chumbou esses PECs todos só para o governo mudar de cor politica.

Ver perfil do usuário

91 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 8:02 pm

Para quem quiser ler algumas incongruências da 'narrativa' de Socrates:
http://www.dinheirovivo.pt/Economia/Artigo/CIECO128212.html?page=3

Ver perfil do usuário

92 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 8:06 pm

Nês


Nível 2
Que ideia ingenua Rodrigo. Eu posso te responder, mas agora não dá. Tenho de sair. Mas essa ideia é totalmente fora do contexto real desta "guerra" de poder.

E se não viste o ultimato, dá uma revista de olhos aos jornais de hoje. Pode ser que encontres.


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

93 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 8:14 pm

Devias ficar em casa para ver a analise que está a ser feita na SIC. Wink

Não ache que esteja a ser ingénuo...
Já tinha visto hoje e não vejo onde está o ultimo do 'sim ou acaba tudo'.

Ver perfil do usuário

94 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 8:29 pm

Nês


Nível 2
A análise eu ainda ouvi, mas não falei disso, nem defendi o antigo governo nesse aspecto. Aliás, se reparares foi a primeira coisa que referi no meu texto: "Eu não digo que ele não afundou ainda mais o país, nem nego que no caso das PPP's ele ontem não teve razão...".

Não ignorei esse facto. Falei-te foi de interesses políticos, da maneira gestacional do PEC4 em detrimento da ajuda financeira externa e da boa gestão que o governo de Sócrates teve, em prol do desenvolvimento do país.

E nunca se deve ignorar os fundamentos de qualquer partido. Podes viver na ilusão de que um PM de esquerda e de direita muda de pessoa para pessoa, mas estás completamente enganado. A politica, a seguir à igreja, é a ciência mais enraizada no mundo.


_________________
http://quequedizes.blogspot.pt/
Ver perfil do usuário

95 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 11:42 pm

Rubenz


Nível 2
O Sócrates é uma espécie de Big Brother da TVI. Foi preciso uma grande polémica para o público pensar: "Ah, afinal aquele canal existe..."
Uma coisa que eu acho curiosa é que sendo a RTP um canal público, e com as intervenções que por vezes tem do próprio governo, como deixam o Sócrates entrar na RTP desta maneira, e até ele próprio aceitar o convite?

Ver perfil do usuário

96 Re: Informação RTP1 em Qui Mar 28, 2013 11:48 pm

São


Nível 2
Mas ele tem o direito de comentar como qualquer pessoa! Depois logo se ataca (ou não) o que disser... E não me parece que ninguém visse a RTP antes...

Mais: estão sempre a dizer que a RTP é manipulada pelo Governo. Agora, chama alguém da oposição e dizem o mesmo? Eh pah... É natural que as pessoas estivessem curiosas, não?

Se o problema são as audiências, porque não teve a TVI essa ousadia? Tivesse tido!

Ver perfil do usuário

97 Re: Informação RTP1 em Qui Abr 04, 2013 6:53 pm

climatico


Nível 2
José Sócrates e Morais Sarmento já têm data de estreia na RTP

Os programas de comentário político de Nuno Morais Sarmento e José Sócrates já têm data para estrear. Os dois ex-políticos chegam à RTP1, respectivamente, na próxima sexta-feira, dia 5 e no domingo, dia 7. Ambos terão espaços a seguir ao “Telejornal”, escreve o jornal Público.

O antigo ministro de Durão Barroso vai ter como interlocutor o jornalista João Adelino Faria. O espaço ganha o nome de “A Semana de Nuno Morais Sarmento”.

Quanto a José Sócrates, o espaço vai concorrer diretamente com Marcelo Rebelo de Sousa, que comenta a actualidade ao domingo à noite na TVI, com Judite de Sousa. O programa protagonizado pelo ex-primeiro-ministro chama-se “A Opinião de José Sócrates”. O ex-líder socialista terá como interlocutora a jornalista Cristina Esteves.

Tanto Nuno Morais Sarmento como José Sócrates estão desde terça-feira a protagonizar o clip de promoção do programa, onde ambos são vistos a dizer «Esta é a minha opinião».

Se a ida de Nuno Morais Sarmento para comentador da RTP, anunciada na mesma altura que a de José Sócrates não provocou quaisquer reacções, já a do antigo primeiro-ministro provocou numerosos protestos e até várias petições na internet a favor e contra essa contratação.

In Zapping


_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
http://alemdosonho.pt.vu
Ver perfil do usuário

98 Re: Informação RTP1 em Sab Jun 01, 2013 1:26 pm

Samuel


Nível 2
Cucujães no Jornal da Tarde! <3


_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
https://www.facebook.com/susanafelixfas/?fref=ts
Ver perfil do usuário

99 Re: Informação RTP1 em Sab Set 07, 2013 1:43 am

climatico


Nível 2
RTP recua e volta a alargar 'Telejornal'

Grandes e médias reportagens serão encolhidas para integrar bloco noticioso da noite, que será maior. Desaparece o '360' e alguns magazines das 21.00 podem terminar.

O Telejornal vai ser alargado e magazines como Linha da Frente ou De Caras podem deixar de fazer parte da nova grelha da RTP1. O DN apurou junto de elementos próximos das direções que "a maior parte da informação vai passar para o cabo porque o novo modelo é capaz de ser mais lucrativo".

Paulo Ferreira, diretor de Informação da estação pública, diz que "não está nada definido, a nova grelha está a ser preparada" e por isso não confirma as informações. Fontes garantem, porém, ao DN que a intenção é alargar o Telejornal "10 a 15 minutos", que o magazine 360 vai terminar e que as reportagens deverão "passar a ter entre seis a 10 minutos" para integrar o Telejornal.

Prós e Contras deverá estrear-se só depois das Autárquicas, a 7 de outubro, e Sexta às 9 permanecerá na nova grelha. A partir de domingo passado, o ex-primeiro-ministro, José Sócrates, e o antigo ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, passaram a integrar o bloco noticioso, perdendo, assim, o espaço autónomo que mantinham. "O objetivo é dar-nos mais flexibilidade na gestão da grelha", justifica Paulo Ferreira.

In Diário de Notícias


_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
http://alemdosonho.pt.vu
Ver perfil do usuário

100 Re: Informação RTP1 em Sab Set 07, 2013 2:11 am

São


Nível 2
climatico escreveu:RTP recua e volta a alargar 'Telejornal'

Grandes e médias reportagens serão encolhidas para integrar bloco noticioso da noite, que será maior. Desaparece o '360' e alguns magazines das 21.00 podem terminar.

O Telejornal vai ser alargado e magazines como Linha da Frente ou De Caras podem deixar de fazer parte da nova grelha da RTP1. O DN apurou junto de elementos próximos das direções que "a maior parte da informação vai passar para o cabo porque o novo modelo é capaz de ser mais lucrativo".

Paulo Ferreira, diretor de Informação da estação pública, diz que "não está nada definido, a nova grelha está a ser preparada" e por isso não confirma as informações. Fontes garantem, porém, ao DN que a intenção é alargar o Telejornal "10 a 15 minutos", que o magazine 360 vai terminar e que as reportagens deverão "passar a ter entre seis a 10 minutos" para integrar o Telejornal.

Prós e Contras deverá estrear-se só depois das Autárquicas, a 7 de outubro, e Sexta às 9 permanecerá na nova grelha. A partir de domingo passado, o ex-primeiro-ministro, José Sócrates, e o antigo ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, passaram a integrar o bloco noticioso, perdendo, assim, o espaço autónomo que mantinham. "O objetivo é dar-nos mais flexibilidade na gestão da grelha", justifica Paulo Ferreira.

In Diário de Notícias
1 - O 360º já desapareceu há imenso tempo...lol... Agora é que anunciam que vai desaparecer? O 360º desapareceu na prática quando foi da crise no governo, mais precisamente no dia em que o Vítor Gaspar se demitiu... Depois foi a história do Paulo Portas e por aí fora... Como não havia tempo para o 360º, não se fazia... Depois o José Rodrigues dos Santos foi de férias em Julho e o João Adelino Faria em Agosto. Um sozinho não devia dar jeito fazer um coisa e outra... Agora já não valia a pena voltar... Não precisavam era de anunciar que acabava... É assim... Era um espaço que uns dias tinha conteúdo e era bastante interessante, mas outros dias não, dependia do assunto tratado. Acontece que como tinham que arranjar todos os dias um assunto, havia dias em que não tinha muito jeito...

2 - Ontem (Na Quinta, pronto) o João Adelino Faria já entrevistou o Nuno Morais Sarmento dentro do horário do Telejornal, portanto, também não é novidade..

Ver perfil do usuário

101 Re: Informação RTP1 Hoje à(s) 4:12 pm

Conteúdo patrocinado



Publicidade



Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 4 de 5]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum