Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Tabaco, Drogas e Álcool

Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 3 de 3]

51 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Out 16, 2014 5:44 pm

Nossa


Nível 2
SIC Notícias escreveu:Cocaína apreendida ao largo do Algarve tem valor estimado de 19 milhões de euros

Os cerca de 600 quilos de cocaína apreendidos na quarta-feira, a bordo de um veleiro ao largo de Sagres, no Algarve, têm um valor estimado de 19 milhões de euros no mercado, disse esta quinta-feira fonte da Polícia Judiciária (PJ).



De acordo com o diretor da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE), a apreensão constituiu "um rude golpe" na organização criminosa, uma vez que o valor da cocaína pode chegar aos 19 milhões de euros "a preços praticados na rua".

Em conferência de imprensa realizada no Ponto de Apoio Naval da Marinha em Portimão, o diretor da UNCTE indicou que a apreensão da droga e a detenção dos dois tripulantes do veleiro de 12 metros de comprimento, oriundo da República Dominicana, resultou da colaboração de várias entidades internacionais.

O diretor da UNCTE acrescentou que a embarcação, que navegava com pavilhão britânico caducado desde 1999, era proveniente da República Dominicana, nas Caraíbas, e "teria como destino a Europa".

"Existe um trabalho sistemático e diário entre as várias entidades internacionais de estudo de todos os movimentos destas organizações, o que nos permitiu em complementaridade com a Marinha e a Força Aérea, partir para a identificação, localização e abordagem desta embarcação em alto mar", referiu Joaquim Pereira.

O responsável da UNCTE sublinhou que "esta investigação está ainda numa fase inicial e o grosso da investigação está por fazer".

Joaquim Pereira disse ainda que aquando da abordagem à embarcação, "os dois tripulantes estavam desarmados e não ofereceram resistência".

Segundo uma nota da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL), os dois homens, de nacionalidade ucraniana, de 39 e 45 anos, partiram da América do Sul, navegaram ao largo dos Açores e da Madeira, tendo sido abordados em águas territoriais portuguesas, próximo do território continental, pela Polícia Judiciária (PJ), com o auxílio da Marinha Portuguesa, na terça-feira.

Segundo uma nota da PGDL, os 599 fardos de cocaína correspondem a 599 quilogramas e a cerca de 2.995.000 doses individuais.

Os dois homens, que estão "fortemente indiciados pelo crime de tráfico de estupefacientes agravado pelo intuito lucrativo", ficaram sujeitos à medida de coação de prisão preventiva, depois de presentes hoje a primeiro interrogatório judicial.

Shocked


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

52 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Out 16, 2014 10:18 pm

João F.


Nível 2
browns escreveu:
titafcp escreveu:E que paranoia
É por causa do cannabis que estás paranóica? Nunca pensei Shocked

titafcp escreveu:Hoje em dia alguns demoraram tempo, para garantir a maturidade
Nunca disseste coisa mais acertada. Já sabia que tu tinhas consciência de que não eras, ainda, madura. Laughing

Nossa escreveu:
SOL escreveu:Jovens portugueses estão contra a legalização da canábis



66% dos portugueses de 15 a 24 anos de idade entendem que a canábis deve permanecer ilegal.

Os dados do Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (SICAD) citados pela edição desta terça-feira do Jornal de Notícias apontam para uma subida da oposição à legalização daquela droga leve. Em 2011, apenas 52% dos inquiridos respondiam da mesma forma àquela pergunta.

Os portugueses contrariam assim a tendência europeia. A nível comunitário, 53% dos jovens defende a permanência da canábis enquanto substância ilícita – uma descida face aos 59% registados em 2011.

Citado pelo JN, o sub-director do SICAD, Manuel Cardoso, argumenta que o facto do consumo da canábis em pequenas quantidades não ser criminalizado em Portugal, uma posição “confortável”, explica o desinteresse em relação à legalização.

“Não é crime o consumo mas é proibida a sua comercialização. E as pessoas sabem que as pode prejudicar”, afirma.

Eu concordo com a legalização do cannabis.
Não é por estar ilegal, que as pessoas não consumem, portanto, assim o Estado ainda ganha mais uns trocos com o IVA que cobra (e que trocos... Laughing ).
Ah e instalem uma taxa ainda mais alta para drogas, tudo o que provocar dependência (até os medicamentos antidepressivos e ansiolíticos), assim uns 30%.
Para além dos 6,13 e 23, haveria 30% de taxa para os medicamentos que tornam uma pessoa dependente (exceto os necessários, mesmo!) e todas as drogas, incluindo as bebidas alcoólicas. Sou apologista que assim o façam, pois de qualquer das formas, quem quiser consumir as drogas, consome-as, estando legalizado ou não o seu consumo.
Claro que não sou a favor do consumo de drogas, mas cada um faz o que quer. Se quiser morrer mais depressa, que assim o faça. A mesma coisa para as prostitutas, se quiserem manter relações sexuais desprotegidas com quem quer se seja, que apanhem doenças que lhe afetem rapidamente. Em todo o caso, se quiser ser "puta" e ganhar dinheiro facilmente, ao mesmo que o faço com as devidas precauções. (usar um qualquer método contracetivo).
Mas voltando às drogas, nunca fumei nem me injetei com nenhuma droga. Já bebi algumas vezes, mas em pequenas porções e sem nunca pôr termo à vida (Falo daqueles que bebem litros e litros de vodka!)
A situação está alarmante e considero importante que hajam ainda mais medidas de mobilização e sensibilidade nos meios de comunicação social, nas escolas (inclusive com testemunhos de toxicodependentes), mas pronto, volto a frisar, cada um faz o que bem lhe apetecer, desde que não viole as condições dos outros.
Um dos meus próximos projetos (tentarei desenvolvê-lo futuramente) é criar um vídeo bem apelativo e aliciante, para que se relatem factos acerca das drogas. Very Happy. Porque obviamente que cada um tem de optar pelo que acha melhor (drogas ou viver mais 30 ou 40 anos), mas assim sempre se controla a ambição de experimentar coisas que lhe põe em risco. A tendência é essa, e normalmente, os mais jovens gostam de consumi-las para achar que são fixes, estando mais contactantes com as outras pessoas. Ainda há pouco ouvi, não sei se na RTP1 que, no princípio, sente-se um bem-estar enorme, com aquilo, mas sem se aperceberem, começam a ficar viciados e quando começam a entender que estão num ponto de saturação e precipício, já é tarde.

Sabes quantass pessoas já morreram de fumar cannabis? 0!

Ver perfil do usuário

53 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sex Out 17, 2014 6:03 am

browns


Nível 2
miley cyrus escreveu:
browns escreveu:
titafcp escreveu:E que paranoia
É por causa do cannabis que estás paranóica? Nunca pensei Shocked

titafcp escreveu:Hoje em dia alguns demoraram tempo, para garantir a maturidade
Nunca disseste coisa mais acertada. Já sabia que tu tinhas consciência de que não eras, ainda, madura. Laughing

Nossa escreveu:

Eu concordo com a legalização do cannabis.
Não é por estar ilegal, que as pessoas não consumem, portanto, assim o Estado ainda ganha mais uns trocos com o IVA que cobra (e que trocos... Laughing ).
Ah e instalem uma taxa ainda mais alta para drogas, tudo o que provocar dependência (até os medicamentos antidepressivos e ansiolíticos), assim uns 30%.
Para além dos 6,13 e 23, haveria 30% de taxa para os medicamentos que tornam uma pessoa dependente (exceto os necessários, mesmo!) e todas as drogas, incluindo as bebidas alcoólicas. Sou apologista que assim o façam, pois de qualquer das formas, quem quiser consumir as drogas, consome-as, estando legalizado ou não o seu consumo.
Claro que não sou a favor do consumo de drogas, mas cada um faz o que quer. Se quiser morrer mais depressa, que assim o faça. A mesma coisa para as prostitutas, se quiserem manter relações sexuais desprotegidas com quem quer se seja, que apanhem doenças que lhe afetem rapidamente. Em todo o caso, se quiser ser "puta" e ganhar dinheiro facilmente, ao mesmo que o faço com as devidas precauções. (usar um qualquer método contracetivo).
Mas voltando às drogas, nunca fumei nem me injetei com nenhuma droga. Já bebi algumas vezes, mas em pequenas porções e sem nunca pôr termo à vida (Falo daqueles que bebem litros e litros de vodka!)
A situação está alarmante e considero importante que hajam ainda mais medidas de mobilização e sensibilidade nos meios de comunicação social, nas escolas (inclusive com testemunhos de toxicodependentes), mas pronto, volto a frisar, cada um faz o que bem lhe apetecer, desde que não viole as condições dos outros.
Um dos meus próximos projetos (tentarei desenvolvê-lo futuramente) é criar um vídeo bem apelativo e aliciante, para que se relatem factos acerca das drogas. Very Happy. Porque obviamente que cada um tem de optar pelo que acha melhor (drogas ou viver mais 30 ou 40 anos), mas assim sempre se controla a ambição de experimentar coisas que lhe põe em risco. A tendência é essa, e normalmente, os mais jovens gostam de consumi-las para achar que são fixes, estando mais contactantes com as outras pessoas. Ainda há pouco ouvi, não sei se na RTP1 que, no princípio, sente-se um bem-estar enorme, com aquilo, mas sem se aperceberem, começam a ficar viciados e quando começam a entender que estão num ponto de saturação e precipício, já é tarde.

Sabes quantass pessoas já morreram de fumar cannabis? 0!
João, quando me referi a drogas, queria dizer as totais (independentemente de serem extraídas naturalmente ou artificialmente), e não só ao cannabis.
Mas, nesse caso, talvez não tenha matado (o que não possuímos dados comprovativos), mas diminui certamente a esperança média de vida, se a toma for continuada e pode tornar as pessoas paranóicas.
Todavia, também se utiliza para fins medicinais mas, neste caso, a aplicação é direta? Acho que não...

Ver perfil do usuário

54 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sex Out 17, 2014 6:28 am

Nossa


Nível 2
Eu acho que as drogas tornam-se alarmantes quando consumidas frequentemente ou em grandes quantidades. Mas enfim, isto também não é um assunto que eu entenda muito!


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

55 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sex Out 17, 2014 11:29 am

titafcp


Nível 2
Ainda bem que não entendes, pois é sinal que não consomes, olha já somos dois

Ver perfil do usuário

56 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sex Out 17, 2014 1:34 pm

Nossa


Nível 2
Uma coisa não tem nada a ver com a outra. Não sou religioso mas entendo do assunto.


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

57 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sab Out 18, 2014 12:33 am

João F.


Nível 2
browns escreveu:
miley cyrus escreveu:
browns escreveu:
É por causa do cannabis que estás paranóica? Nunca pensei Shocked


Nunca disseste coisa mais acertada. Já sabia que tu tinhas consciência de que não eras, ainda, madura. Laughing




Eu concordo com a legalização do cannabis.
Não é por estar ilegal, que as pessoas não consumem, portanto, assim o Estado ainda ganha mais uns trocos com o IVA que cobra (e que trocos... Laughing ).
Ah e instalem uma taxa ainda mais alta para drogas, tudo o que provocar dependência (até os medicamentos antidepressivos e ansiolíticos), assim uns 30%.
Para além dos 6,13 e 23, haveria 30% de taxa para os medicamentos que tornam uma pessoa dependente (exceto os necessários, mesmo!) e todas as drogas, incluindo as bebidas alcoólicas. Sou apologista que assim o façam, pois de qualquer das formas, quem quiser consumir as drogas, consome-as, estando legalizado ou não o seu consumo.
Claro que não sou a favor do consumo de drogas, mas cada um faz o que quer. Se quiser morrer mais depressa, que assim o faça. A mesma coisa para as prostitutas, se quiserem manter relações sexuais desprotegidas com quem quer se seja, que apanhem doenças que lhe afetem rapidamente. Em todo o caso, se quiser ser "puta" e ganhar dinheiro facilmente, ao mesmo que o faço com as devidas precauções. (usar um qualquer método contracetivo).
Mas voltando às drogas, nunca fumei nem me injetei com nenhuma droga. Já bebi algumas vezes, mas em pequenas porções e sem nunca pôr termo à vida (Falo daqueles que bebem litros e litros de vodka!)
A situação está alarmante e considero importante que hajam ainda mais medidas de mobilização e sensibilidade nos meios de comunicação social, nas escolas (inclusive com testemunhos de toxicodependentes), mas pronto, volto a frisar, cada um faz o que bem lhe apetecer, desde que não viole as condições dos outros.
Um dos meus próximos projetos (tentarei desenvolvê-lo futuramente) é criar um vídeo bem apelativo e aliciante, para que se relatem factos acerca das drogas. Very Happy. Porque obviamente que cada um tem de optar pelo que acha melhor (drogas ou viver mais 30 ou 40 anos), mas assim sempre se controla a ambição de experimentar coisas que lhe põe em risco. A tendência é essa, e normalmente, os mais jovens gostam de consumi-las para achar que são fixes, estando mais contactantes com as outras pessoas. Ainda há pouco ouvi, não sei se na RTP1 que, no princípio, sente-se um bem-estar enorme, com aquilo, mas sem se aperceberem, começam a ficar viciados e quando começam a entender que estão num ponto de saturação e precipício, já é tarde.

Sabes quantass pessoas já morreram de fumar cannabis? 0!
João, quando me referi a drogas, queria dizer as totais (independentemente de serem extraídas naturalmente ou artificialmente), e não só ao cannabis.
Mas, nesse caso, talvez não tenha matado (o que não possuímos dados comprovativos), mas diminui certamente a esperança média de vida, se a toma for continuada e pode tornar as pessoas paranóicas.
Todavia, também se utiliza para fins medicinais mas, neste caso, a aplicação é direta? Acho que não...
No caso da Cannabis, pode ser fumada por charro (o método mais fácil e barato, mas que não causa quase alucinações, porque não se "consome" quase nennhum THC, só se fumares muito, depois tens o bong, que é muito mais eficaz, a THC quase que é "consumida" em exclusivo, nalgumas terapias medicinais, as pessoas comrpam vaporizadores, para inspirarem apenas o vapor com THC)

Ver perfil do usuário

58 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sab Out 18, 2014 9:47 am

Nossa


Nível 2
E isso do bong consiste em quê?


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

59 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sab Out 18, 2014 10:43 am

João F.


Nível 2
Nossa escreveu:E isso do bong consiste em quê?
O bong é o cachimbo d'água, tipo, metes a cannabis, aqueces e água que se encontra dentro vai passar ao estado gasoso, e é esse vapor de água, juntamente com o fumo que se vai inalar, através deste método, tu absorves uma quantidade muito maior de THC (a substância ativa da cannabis).

Um esquema:

Ver perfil do usuário

60 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Sab Out 18, 2014 11:48 am

Nossa


Nível 2
Que cena tão estranha. Laughing


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

61 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Ter Out 21, 2014 4:35 pm

titafcp


Nível 2
Mesmo, isso é mesmo real?

Ver perfil do usuário

62 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qua Out 29, 2014 2:23 pm

Nossa


Nível 2
SIC Notícias escreveu:Uso esporádico de marijuana altera o cérebro



Mesmo quem fuma marijuana uma ou duas vezes por semana sofre de alterações no cérebro, revelam cientistas norte-americanos. Serão necessários mais estudos para determinar a extensão dos danos, mas os investigadores acreditam que não é inócua a utilização da droga.

Jodi Gilman, do  Massachusetts General Hospital-Harvard Center for Addiction Medicine, comparou tomografias de cérebros de 20 pessoas que consumiam marijuana de formas diferentes. Concluiu que mesmo as sete pessoas que fumavam uma ou duas vezes por semana, revelavam  diferenças estruturais no cérebro. Quando maior era o consumo, maiores as diferenças.

De acordo com vários estudos, a utilização moderada de marijuana não parece representar  um risco para os adultos saudáveis. Pode até aliviar dores e náuseas. Outros estudos revelaram, no entanto, que em pessoas mais vulneráveis, a substância ativa presente na marijuana - THC - desencadeia sentimentos de  paranoia.

Todavia, Jodi Gilman alerta que são necessários mais estudos que sejam baseados em dados mais recentes. Isto porque o nível de THC tem vindo a aumentar. Segundo o New York Times, as amostras de marijuana das apreensões da agência norte-americana de combate à droga mostram que, em 1995, havia uma concentração de 3,75% de THC. Atualmente, é de 13%.


_________________
"Podes não mudar o mundo, mas podes morrer a tentar."
Ver perfil do usuário

63 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Out 30, 2014 10:55 pm

titafcp


Nível 2
Resta saber se é positivo ou negativo

Ver perfil do usuário

64 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qua Mar 25, 2015 6:28 pm

João F.


Nível 2
titafcp escreveu:Mesmo, isso é mesmo real?
É.

Ver perfil do usuário

65 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 10:53 am

São


Nível 2
titafcp escreveu:Ainda bem que não entendes, pois é sinal que não consomes, olha já somos dois

Ver perfil do usuário

66 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 10:57 am

São


Nível 2
Não estou a conseguir faxer citações, não sei porquê...

tita, uma pessoa pode perceber bastante do assunto e nunca ter consumido... Esntão os médicos que se dedicam a esse ramo? Por essa ordem de ideias nem podia haver obstetras do sexo masculino, não? Laughing Laughing Laughing

E mesmo sem ser a nível profissional... Há pessoas curiosas que se interessam pelos assuntos, ou porque têm familiares com o problema, ou simplesmente porque gostam de saber... Por isso...

Ver perfil do usuário

67 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 11:20 am

browns


Nível 2
titafcp escreveu:Ainda bem que não entendes, pois é sinal que não consomes, olha já somos dois
Certo, mas quem percebe mais do assunto, também pode não ter experimentado, sequer. Simplesmente, pode estar interessado no tema, saber os seus malefícios e benefícios (se os houver), como é constituído, etc... Este tema pode suscitar sempre curiosidade a uma pessoa, nem que seja para dizer mal xD

Ver perfil do usuário

68 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 11:30 am

São


Nível 2
Precisamente! Foi isso que eu disse Laughing

Ver perfil do usuário

69 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 11:33 am

browns


Nível 2
São escreveu:Precisamente! Foi isso que eu disse Laughing
Eu confesso que nem tinha lido xD

Ver perfil do usuário

70 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 4:59 pm

São


Nível 2
Porque eu quando tentei citar, o texto que eu escrevi não apareceu e eu tive que escrever noutro comentário Laughing

Ver perfil do usuário

71 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Qui Mar 26, 2015 5:05 pm

João F.


Nível 2
Fumar de vez em quando não faz da pessoa um drogado, assim como beber de vez em quando não faz da pessoa um alcóolico.

Ver perfil do usuário

72 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Seg Abr 20, 2015 2:33 pm

João F.


Nível 2
Happy 420, everyone! Blaze it! cheers cheers cheers






Ver perfil do usuário

73 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Seg Abr 20, 2015 4:00 pm

NC10


Nível 2
Quem e essa na imagem debaixo?

Ver perfil do usuário

74 Re: Tabaco, Drogas e Álcool em Seg Abr 20, 2015 10:55 pm

João F.


Nível 2
NC10 escreveu:Quem e essa na imagem debaixo?

É a Miley com o bong, e os nipple pasties JJ (Joan Jett).

Ver perfil do usuário

75 Re: Tabaco, Drogas e Álcool Hoje à(s) 2:57 am

Conteúdo patrocinado



Publicidade



Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 3 de 3]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Tópicos similares

-

» Tabaco, Drogas e Álcool

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum